Apadrinhar um Pinheiro

45,00

Tenha um afilhado cheio de resina e pruma. Durante todo o ano vai dar-lhe que fazer mas em certas ocasiões vai ser o seu melhor aliado. Não acredita? Apadrinhe ainda hoje um e verá!

Só para vos deixar com água na boca… as castanhas assadas com a caruma do pinheiro ficam irresistíveis. Estas e muitas outras curiosidades estão cá 🙂

15 em stock

Compare
REF: pinheiro Categorias: , Etiquetas: , ,

Descrição

Algumas curiosidades

Pinheiro é o nome comum das árvores pertencentes à divisão Pinophyta, tradicionalmente incluída no grupo das gimnospérmicas. Este artigo se refere apenas às plantas do género Pinus, da família Pinaceae.

São nativos, na sua maioria, do Hemisfério Norte. Na América do Norte, com diversidade mais alta no México e na Califórnia. Na Eurásia, eles ocorrem desde Portugal e leste da Escócia até ao extremo oriental da Rússia, Japão, norte de África, o Himalaia com uma espécie formando a floresta de coníferas subtropical, o (pinheiro-de-sumatra) que já cruzou o Equador em Samatra, na Indonésia. Os pinheiros são também plantados extensivamente em muitas partes do Hemisfério Sul.

No Brasil também são chamados pinheiros, espécies que na verdade não fazem parte da família Pinaceae, como a Araucária (Araucaria angustifolia), mais conhecida como pinheiro-do-paraná. Este pertence a família Araucariaceae, que é pequena e nativa apenas do hemisfério sul. Abrange dois gêneros somente: o Agathis, (natural da Austrália) e o Araucaria que aparece no Chile, Argentina e sul-sudeste do Brasil, em regiões de altitude elevada, ou seja, acima de 500 m.

Os pinheiros são plantas perenes e também produzem resinosos. A casca da maioria dos pinheiros é grossa e escamosa. Os brotos são produzidos em inflorescências regulares, que de fato são uma espiral muito apertada aparentando um anel de brotos que surgem do mesmo ponto. Muitos pinheiros são uninodal, produzindo apenas um verticilo de brotos por ano, (de rebentos no início da época de floração), mas outros são multinodal, produzindo dois ou mais verticilos de ramos por ano. Na primavera os brotos são denominados “velas” porque de cor mais clara, apontam para cima e depois escurecem e arrepiam. Estas “velas” servem para avaliar o estado nutricional das plantas.

Confira estas e muitas outras curiosidades aqui.

Fonte: Wikipedia

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “Apadrinhar um Pinheiro”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *